Como o plástico pode prejudicar o meio ambiente e a sua saúde?

O plástico é consumido diariamente pela população, seja no uso na sacola plástica, na nossa roupa, na garrafinha de água, na caneta, no celular e até mesmo no peixe ou alimento que consumimos! É isso mesmo, diversas pesquisas mostram isso e a mídia tem noticiado com certa constância. 

Fonte: Canva

Segundo a reportagem da CNN Brasil de 2021, o Brasil é o quarto maior produtor de lixo plástico no mundo, cerca de 11,3 milhões de toneladas de plásticos são produzidas anualmente, sendo que somente 1,28% é reciclado. Em escala global, a quantidade de lixo plástico produzido é de 400 milhões de toneladas por ano e menos de 10% é reciclado. É um mundo de plástico que estamos deixando para trás e isso tem causado graves impactos ao meio ambiente, em especial a água, e a saúde humana e animal! 

Muitas vezes quando falamos de plástico pensamos no canudinho, na sacola, mas o plástico vai além desses produtos, ele tem diversos usos que facilitou a nossa vida e ajudou muito quando pensamos na área da medicina e engenharia.  Segundo Alexander Turra em entrevista ao Programa Porque O Mundo Precisa de Água (POMPA) “a raiz da questão não é a sacola em si, embora a gente tenha que fazer reflexões sobre o uso da sacola, que tipo de sacola é disponibilizada e como é usada, se cobra, se não se cobra e o que você faz com a sacola depois, isso tudo tem que ser considerado. Mas o foco da questão é porque a sacola ou qualquer outra coisa acaba indo por mar aqui no Brasil. É porque temos uma distribuição de renda muito assimétrica e uma grande quantidade de pessoas morando em locais os quais não tem serviço de coleta de esgoto, basicamente o problema de lixo que temos no Brasil decorre desse tipo de situação e que acaba gerando um lançamento desses contaminantes para o ambiente, para os rios e pro mar por conta das conexões que existem”. 

Fonte: https://www.pexels.com/pt-br/foto/bolhas-borbulhas-claro-preciso-4813991/

O grande problema são os microplásticos, “estima-se que todo ano 8 milhões de toneladas de plástico entram no oceano, mas apenas 1% desse resíduo é encontrado em forma visível e boiando na superfície, o grande volume de plástico que habita os oceanos são microplásticos. Os microplásticos são consumidos pela fauna aquática e por aves que se contaminam e muitas vezes morrem ou esses animais são consumidos pelo homem e os microplásticos chegam ao organismo humano” (SOCIENTIFICA, 2020).

Humanos de plástico?

Fonte: https://www.pexels.com/pt-br/foto/arrepiante-assustador-manequim-modelo-10766819/

Um grupo de cientistas do Departamento de Biologia da Universidade de Victoria, no Canadá realizou uma pesquisa para levantar a quantidade de microplástico ingerido pelos seres humanos e contataram que crianças do sexo feminino ingerem 74 mil partículas em média, contra 81 mil de crianças do sexo masculino, já os adultos, mulheres ingerem uma média de 98 mil microplásticos enquanto os homens, 121 mil (BBC NEWS, 2019). Kieran Cox, pesquisador da Universidade de Victoria no Canadá, disse que "indivíduos que cumprem sua ingestão de água recomendada apenas por meio de fontes engarrafadas podem estar ingerindo mais 90 mil microplásticos anualmente, em comparação com 4 mil microplásticos para quem consome apenas água da torneira" (BBC NEWS, 2019). 

Fonte: https://www.pexels.com/pt-br/foto/pessoa-pegando-agua-usando-copo-verde-66090/

Um estudo liderado pelo médico Philipp Schwabl, pesquisador da Divisão de Gastroenterologia e Hepatologia da Universidade de Medicina de Viena, na Áustria, mostrou que há microplástico no organismo humano, mais especificamente no intestino humano. O estudo foi realizado com base em coletas de fezes de oito pessoas de oito países diferentes e em todas as amostras foram identificados microplásticos de até nove tipos diferentes, partículas de polipropileno (PP) e polietileno tereftalato (PET), entre outros. Conforme ressaltam os pesquisadores envolvidos no estudo, a presença de microplásticos no organismo humano pode afetar a saúde, “acumulados no trato gastrointestinal, esses materiais têm a possibilidade de interferir na resposta imunológica do intestino - além, é claro, do risco proporcional pela absorção de produtos químicos tóxicos e patógenos pelo nosso corpo” (BBC NEWS, 2018).

Na pandemia tivemos um aumento do uso de plástico no Brasil, devido ao aumento de delivery de alimentos e também de material hospitalar descartados (como luvas, máscaras, seringas, entre outros) (BBC NEWS, 2020). 

Fonte: https://www.pexels.com/pt-br/foto/praia-litoral-conceito-ideia-4813988/

É preciso mais consciência e sustentabilidade para reduzir o uso de plástico de uso único, podemos trocar certos materiais plásticos por outros que sejam biodegradáveis ou que tenham o maior tempo de vida. Além disso, devemos cobrar de nossos governantes que a política de resíduos sólidos seja mais efetiva.

Você sabe como substituir o plástico no seu dia a dia?

É bem fácil fazer a substituição de alguns itens plásticos que usa diariamente, é importante sempre lembrar que a sua pequena ação é importante sim e pode ajudar a tornar o mundo um lugar melhor!

- Substitua a sacola plástica por uma ecobag;

- Troque o canudo de plástico por um de vidro, metal ou use um copo que não seja plástico;

- Use um copo de vidro ou silicone em vez de copos descartáveis;

- Troque a escova de dentes por uma escova feita de materiais mais sustentáveis, há diversas opções no mercado, como por exemplo as de bambu;

- Substitua os potes de plásticos por potes de vidro, você pode até reutilizar as embalagens de vidro para guardar mantimentos;

- Troque os cosméticos e itens de higiene por produtos mais sustentáveis e com menos embalagens plásticas, como por exemplo shampoo e condicionador em barra, desodorantes naturais. 

- Compre produtos a granel e leve a sua própria embalagem; 

- Leia os rótulos para se informar melhor e saber a origem e composição dos produtos. 

Viu como é fácil? Vamos colocar em prática? 

Fonte:

BBC NEWS, 2018

BBC NEWS, 2019

BBC NEWS, 2020

CNN Brasil de 2021

POMPA, 2021

SOCIENTIFICA, 2020

O Instituto Água Sustentável promove o uso sustentável da água através do desenvolvimento de estudos, projetos e pesquisas e da realização de eventos científicos e educativos.
2021 © Todos os direitos reservados. Versão web 3.2.